Gake no Ue no Ponyo

21 fev

Yo pessoal!
Hoje vou falar de Gake no Ue no Ponyo, um filme infantil do Hayao Miyazaki, o criador de inúmeros filmes premiados como Tonari no Totoro, Castelo Animado e A Viagem de Chihiro. No Japão, o filme foi lançado em 2008, mas só chegou aqui no Brasil em 2010 com o nome “Ponyo – Uma Amizade Que Veio do Mar”, que não tem nada a ver com o que seria a “tradução” do japonês, que seria algo parecido com “Ponyo encima do penhasco”. (Me corrijam se estiver estranho/errado). Mas o nome traduzido seria esquisito no Brasil, né?
De qualquer forma já vou avisando que o filme é bem infantil e bobinho. Mas como gosto dos filmes do Hayao, eu gosto.

O filme conta a história de Brunhilde, uma princesa peixe-dourado que mora com seu pai, Fujimoto,  um feiticeiro de forma humana, em seu castelo nas profundezas do oceano. Brunhilde tem vontade de conhecer mais o mundo, e sai do castelo de seu pai sem que ele perceba.

É aí que ela conhece um garoto de 5 anos chamado Sousuke, que a leva pra sua casa, lhe dá o nome de Ponyo e promete que a protegerá para sempre. A partir daí, Ponyo começa a se apaixonar por Sousuke, e a querer se tornar humana.

Enquanto isso seu pai, Fujimoto, acreditando que sua filha foi raptada por um humano, invoca os espíritos das ondas para trazerem Ponyo de volta, e acaba por abalar o equilíbrio do mundo, afetando até a lua, que sai fora de sua órbita, e os satélites que começam a cair. Assim, só a mãe de Ponyo, uma deusa do mar, Granmammare pode estabelecer novamente o equilíbrio. O pai de Ponyo vê  Granmammare no oceano e a reconhece como Deusa da Misericórdia.

Como é esperado de Hayao Miyazaki, o filme tem uma história cativante, belas imagens e uma ótima trilha sonora. Como a temática do filme é mais simples e infantil, ele foi comparado com Tonari no Totoro, e recebeu elogios da crítica internacional. O filme estreou no Japão em 2008, mas sua estréia em terras brasileiras só aconteceu 2 anos depois, em 2010.

Pra finalizar, como eu disse antes, recomendo o filme pra quem gosta de histórias infantis, bem leves e simples. Acho as imagens bem legais, muito bem feitas, e tudo mais, mas não é o melhor filme do Hayao Miyazaki. Acho que quem gosta do gênero vai gostar bastante.
That’s all por hoje, heh.

Ja !

Anúncios

9 Respostas to “Gake no Ue no Ponyo”

  1. thay 22/02/2012 às 15:50 #

    já assisti esse filme em um festival de cinema, ele é bem bobinho mesmo mas bem divetido e legal. também recomendo para pessoas que gostem de filmes infantis que senão vai perder seu tempo.

    • Patrício 23/02/2012 às 14:11 #

      Sim, é bem bobinho! Mas na minha opinião o bom do Hayao é que ele não faz só filmes bobinhos e leves, tendo em vista Mononoke Hime, por exemplo. Mas já estou preparando um post sobre esse também ((:

  2. Pers_core 22/02/2012 às 19:12 #

    Bom, eu sou suspeita de falar do Hayao Miyazaki, eu simplesmente amo tudo que ele faz! Recentemente assisiti “O mundo secreto de Arrietty” e é lindíssimo, mas por incrível que parece ainda não vi Ponyo!

    • Patrício 23/02/2012 às 14:00 #

      Hahahah, eu sei como é isso!!! Também gosto do que o Hayao faz!! Você não viu Ponyo e eu não vi Arietty!! Na verdade, vi só o comecinho! Hahahaha. vou aproveitar que estou fazendo mais posts sobre filmes do Hayao, e assistir Arietty pra fazer um post também! =DD Esse filme é bem infantil também?

      • Pers_core 23/02/2012 às 22:08 #

        Não como parece ser o Ponyo Patrício, os protagonistas são adolescentes! Assiste e depois conta pra gente o que achou! rs

      • Patrício 23/02/2012 às 22:28 #

        Ahh, farei isso. Hahaha. Vi o seu post, verei sim!

  3. FabrYuki 27/02/2012 às 19:33 #

    que legal patricio, e como ja comentei na resenha do totoro e como outros colegas comentaram, ponyo é uma trama bem bobinha, nao tem muito o que se pensar, ou desvendar, mas é uma historinha gostosa de assistir, e como citei da outra vez o miyazaki esclarece algumas duvidas sobre o filme nos extras, como o fato dos personagens encararem os acontecimentos com tanta naturalidade.

    • Patrício 27/02/2012 às 23:06 #

      Oi FabrYuki!
      Não sabia que o Miyazaki esclarecia algumas duvidas nos extras. Não assisti… Que pena.
      Mas muito legal isso!! Obrigado pela dica =D

  4. FabrYuki 29/02/2012 às 12:26 #

    pois é patricio. engraçado que levou dois anos pra laçarem o filme por aqui, eu fiquei sabendo quado li numa revista quando fui ao dentista.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: