Dia Nacional do Yaoi – Antique Bakery

8 jan

Oi!! ^^

Estou aqui voltando de férias… o post com a resenha de Kuragehime acabou ficando atrasado por conta das festas de fim de ano, e agora vai ser adiado mais uma vez pelo Dia Nacional do Yaoi. O evento é uma blogagem coletiva sobre o tema Yaoi, e foi criado pela Tanko-chan do (excelente) blog Blyme Yaoi.

Eu confesso que não conheço a área muito à fundo, apesar de ser uma fujoshi nata e shippar todos os possíveis casais homo dos mangás… Então eu decidi falar sobre o meu primeiro contato com um material verdadeiramente Yaoi, que foi o anime de Antique Bakery.

Eu sinceramente acredito que não poderia ter feito uma escolha melhor. O anime é excelente, e fez com que eu me interessasse mais e mais sobre BL. Depois dele eu fui procurar outras séries e caí nas garras de Junjou Romantica e Sekai-ichi Hatsukoi, e muitas outras. Então eu recomendo Antique para quem quer se iniciar no Yaoi e também para qualquer um que procura uma história de qualidade. Digo que o anime é uma boa iniciação por ele não ter nenhuma cena mais… chocante. É uma história adulta e madura, mas tratada com muita delicadeza e respeito.

Confesso que antes de assistir à Antique eu tinha um pouco de preconceito com o gênero Yaoi (que na verdade é um sub-gênero do shoujo, mas isso é outra história XD). O pouco contato que eu tive antes com materiais BL tinha me afastado um pouco de gênero, por serem histórias envolvendo homens maduros e menininhos muito novinhos (o infame shotacon). Então Antique caiu nas minhas mãos e eu não tinha como recusar, já que o anime é baseado no mangá de uma das minhas mangakás favoritas, a Fumi Yoshinaga  (mesma autora de Oooku). Ainda bem que eu dei uma chance! Antique quebrou os meus preconceitos e mais do que isso: me transformou em uma verdadeira fã de Yaoi!

Acho que já deu pra todo mundo perceber o quanto eu amo essa série e o quanto ela foi importante pra mim, então vamos à um pequeno resuminho (dessa vez eu não vou fazer uma grande resenha, já que eu assisti o anime faz muito tempo e não lembro dos detalhes, e acima de tudo porque eu estou recomendando o anime à vocês e não quero dar nenhum tipo de spoiler que possa estragar a experiência de assisti-lo!). O nosso protagonista é Tachibana Keisuke, que apesar de não gostar de doces por conta de um trauma do passado, acredita que uma confeitaria possa ser um negócio bastante lucrativo. Para auxiliá-lo em seu negócio, aparecem o fantástico pâtissier Ono Yusuke (que apesar de fazer doces excelentes, sempre acaba perdendo o emprego por conta de seu “charme demoníaco” capaz de fazer qualquer homem, seja hétero ou gay se sentir intensamente atraído por ele, o que acaba por gerar muitas confusões no ambiente de trabalho) (e que por acaso é o meu personagem favorito!); Kanda Eiji que acaba se tornando assistente de cozinheiro por acaso, já que ele era lutador; e Kobayakawa Chikage, amigo de infância de Tachibana e que se une à trupe como garçom. Em uma confeitaria com quatro homens adultos, só Deus sabe o que pode acontecer!

E mesmo para quem não é fã do gênero (ainda), Antique ainda é altamente recomendável. O anime não é pesado de nenhuma forma, e é baseado em uma história de qualidade, escrita por uma das mangakás mais talentosas da atualidade. Fumi Yoshinaga trabalha as relações entre seus personagens de forma muito sensível e humana, e ela faz isso de forma adorável em Antique Bakery! O anime tem 12 episódios e foi exibido originalmente em 2008 no imbatível bloco noitaminA. O mangá no qual o anime se baseia tem 4 volumes e foi lançado pela editora americana VIZ .

XOXO

Mallu

Anúncios

2 Respostas to “Dia Nacional do Yaoi – Antique Bakery”

  1. diegohatake 08/01/2012 às 21:56 #

    Ah, Antique Bakery… Foi como começou o meu caso de amor com as obras da Fumi Yoshinaga. E os doujinshis são muito bons também, mas a obra original é imbatível.
    Feliz dia nacional do yaoi! =)

    • Mallu 08/01/2012 às 23:45 #

      Feliz dia nacional do yaoi Diego!!
      A Fumi Yoshinaga é maravilhosa, é uma das minhas mangakás favoritas atualmente!
      Não cheguei a ler nenhum doujinshi, vou procurar! Obrigada pela dica!
      xoxo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: